de volta ao antigamente

Frequentemente no nosso dia-a-dia fazemos os nossos rituais sem pensar. É já algo tão intrincado em nós que não perdemos tempo a questionar como seria dantes. Para nós é natural guardar os alimentos no frigorífico para os preservar ou recorrer ao telefone para encomendar comida quando não temos tempo ou vontade de cozinhar.

Colocar a roupa na máquina tornou-se um hábito e é, com certeza, uma ajuda tremenda na vida atarefada da mulher actual. Mas a mulher antiga, como o fazia? A mulher antiga, minhas amigas, dobrava as costas para lavar a sua roupa e tinha até um nome para definir a sua profissão. Era a lavadeira e todas as famílias da classe media tinham uma.

As águas eram limpas, as mulheres juntava-se e cantavam, rodeadas de ar puro e verde. As roupas ficavam com cheiro a sabão e eram colocadas nos estendais para secar ao sol.

Lembro-me que na terra da minha mãe, puro campo, havia no meio do pinhal um lavadouro e ainda vi as minhas tias e outras mulheres a lavar lá as suas roupas. Usava-se sabão azul e branco e nada de amaciadores ou a parafernália de detergentes que existem hoje no mercado.

Aqui, perto da minha rua, existe um mini-mercado com produtos do antigamente. Sabonetes de lavanda e para roupas delicadas. São biodegradáveis, feitos manualmente, sem ingredientes de origem animal ou testados em animais.

As embalagens são tão bonitas e estou entusiasmada para pôr a mão no sabão.

Advertisements

5 thoughts on “de volta ao antigamente

  1. Que bonito… adoro estas coisas do antigamente. Acho que nós somos de outra época (embora eu goste muito da minha máquina de lavar).
    E é precisamente com sabonete de lavanda (o da embalagem verde-escura) que eu tomo banho todos os dias. Da mesma colecção, temos a água de colónia de lavanda, com aquele típico cheiro fresco e antiquado, que usamos às vezes só para passar nas mãos (o Consorte também gosta destas velharias).

    Tu lembras-te da pasta dentífrica Couto? Também gosto muito, embora raras sejam as vezes em que ainda a veja à venda.

    Beijinho
    Adorei o post

  2. Ainda me lembro de alguns cheirinhos de antigamente. Cá por casa para além do sabão rosa, era usado o sabão clarim… Boas lembranças.***

  3. Adoro todas estas coisas e tradições!!
    Temos tanta coisa em comum, já viste? 🙂
    Acho que temos mm de nos encontrar pessoalmente…

    Beijinho grande***

Muito grata pelo comentário!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s