Equilíbrio

Já há muito tempo não ía sozinha a uma sala de cinema mas, pela história, estar comigo mesma fazia todo o sentido.

Gostei do filme mas devo confessar que mais por poder ver os locais de “perto”. Acho que esta foi a minha imagem preferida:

Não sei se quem nunca leu o livro iria perceber a verdadeira intenção da busca da personagem principal. Senti falta de uma data de pormenores do livro – a dificuldade que é fazer meditação, por exemplo – as passagens foram talvez demasiado rápidas e, no fim, disseram que a palavra da Liz era uma diferente do livro (não era attraversiamo).

De qualquer forma, valeu a pena mas prefiro realmente o livro e as lições que dele tirei, demasiado íntimas para revelar aqui. Mas partilho a mensagem principal e a música do Eddie Vedder, que ADORO:

“Balance is not letting anyone love you less than you love yourself.”

Advertisements

2 thoughts on “Equilíbrio

  1. Vi o filme, mas n li o livro.

    Os filmes são sempre uma desilusão para quem lê os livros…

    O filme transmite em duas horas a riqueza do que deve ser o livro.

    Eu gostei porque embora “superficial” a mensagem estava lá e eu identifiquei-me com ela.

    🙂

Muito grata pelo comentário!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s